Imobiliário em Angola segue a tendência da economia

Download Report
O ano de 2017 ficou marcado pela transição política, pacífica e democrática. Embora, com alguns sinais de esperança, a economia Angolana ainda atravessa momentos difíceis, sobretudo ao nível da liquidez.

O panorama do mercado imobiliário não é radicalmente diferente. Alguns segmentos têm revelado menores dificuldades, mas é na distribuição espacial que se notam as maiores diferenças, sobretudo, entre a cidade de Luanda e o resto do país.

Apesar das dificuldades, a Colliers ampliou serviços e clientes ao largo portfolio que já possuía. Hoje, a Colliers é uma imagem de segurança, de experiência e de profundo know-how do mercado imobiliário de Angola.

Imobiliário em Angola segue a tendência da economia

Download Report
Related Experts
expert photo

Gustavo Castro

Head of Porto Office

Porto

Gustavo começou na Colliers, em 1999, como Junior Consultant. O seu bom trabalho foi reconhecido e, em 2000, foi promovido a Senior Consultant. Em 2001, Gustavo foi nomeado director do escritório do Porto. Em 2007 e 2008, auxiliou a criação dos escritórios locais da Colliers em África (Moçambique e Angola).

Desde 2008, Gustavo acumula a direcção do escritório do Porto com a equipa de Reserach.

A equipa de Reserach melhorou o seu desempenho, colocando a investigação da Colliers entre as melhores de Portugal, abarcando diversos mercados e monitorizando periodicamente os mercados mais importantes.

Pode contactar no LinkedIn.

View expert